O Brasil encontra os Estados Unidos e o Canadá

O Brasil encontra os Estados Unidos e o Canadá

Suponha que você é brasileiro, mas você deseja se mudar para os Estados Unidos ou Canadá. Quais são as opções? Como um escritório de advocacia atuando na área de imigração para os Estados Unidos e Canadá, temos algumas das respostas para você.

Existem duas formas de migração para América do Norte. Uma maneira é temporaria com um visto de trabalho ou de estudante. A outra é um visto de imigrante que permite que a residência permanente.

Vamos analisar cada um:

Vistos de Visitante

O visto mais comum é um visto de visitante. Esse é um visto que pode ser obtido sem a ajuda de um advogado, a menos que o requerente encontre complicações. Podemos ajudar aqueles que têm dificuldades, obtendo uma cópia do arquivo eletrônico do candidato se ao requerente foi negado o visto. Mas há limites sobre o que pode ser feito se a aplicação foi negado por fundadas razões, tais como, deportações anteriores ou viagem com documentos falsos.

Visto de Contrato de Trabalho Temporário

Se você é um profissional como um médico, enfermeira, professora etc., ou um trabalhador qualificado e você tem uma proposta na América do Norte, podemos ajudá-lo a obter uma autorização de trabalho. Nos Estados Unidos, tais indivíduos normalmente qualificam-se para o visto de trabalho H1B por até seis anos, desde que possuam um empregador americano que apoiará a sua aplicação, desde que possuam um diploma equivalente ao diploma americano na profissão almejada. No Canadá, tais indivíduos podem se beneficiar de uma autorização de trabalho baseada no convite de trabalho feito pelo empregador que não consegue mão de obra qualificada no mercado canadense.

Visto de Trabalho Comercial

Se você trabalha para uma empresa brasileira que emprega 12 ou mais pessoas, e a empresa propõe a transferi-lo para os Estados Unidos ou Canadá, iniciando uma nova subsidiária da empresa brasileira para trabalhar na América do Norte, por exemplo Microsoft no Brasil, você tem direito a obter um visto de trabalho. Nos Estados Unidos o visto L-1 pode ser válida por até sete anos se você for um gestor ou executivo da empresa, ou de até cinco anos, se você está vindo para o E.U.A porque você é um empregado com conhecimento especializado. No Canadá, aplicam-se as mesmas regras.

Visto de Investimentos

Se você não tem um negócio ou empresa no Brasil, mas deseja iniciar uma empresa nos Estados Unidos e você tem alguma experiência de negócios, você pode obter um visto de trabalho E-2 para iniciar sua empresa lá. Os elementos chave são: um escritório próprio, a incorporação de uma empresa, a abertura de uma conta bancária, Inscrição na Secretaria da Fazenda, depositar um montante significativo na conta bancária de empresa, por exemplo US$ 200.000, e finalmente, apresentar um projeto de trabalho. No Canadá, você pode obter uma autorização de trabalho se você puder mostrar que sua nova empresa trará benefícios sociais, econômicos ou culturais significativos para o Canadá, ou oportunidades para os cidadãos canadenses ou residentes. Um plano de negócio simples também deve ser apresentado.

Outros vistos de trabalho

Há outras maneiras que você, possivelmente, possa se qualificar para trabalhar nos EUA ou no Canadá, tais como autorizações de trabalho concedidas aos estrangeiros com habilidades extraordinárias ou a trabalhadores religiosos. Estas são questões que precisam ser discutidas e analisadas.

Vistos de imigrantes

Se sua intenção é imigração permanente para os Estados Unidos ou Canadá, há um várias opções que devem ser consideradas.

Visto de Investidor

Os Estados Unidos oferecem uma residência permanente condicional (Green Card) para os investidores estrangeiros que invistam a soma de US$ 500.000, em um centro de desenvolvimento regional aprovado, que permite ao investidor a imigração como parte do processo. Os recursos são investidos em empresas comerciais por um período mínimo de dois anos. A condição é que os fundos sejam investidos por dois anos e que o investimento crie pelo menos 10 novos postos de trabalho. Com o término do período da condição (2 anos) o investidor pode requerer seu dinheiro.

O Canadá oferece programas de investimento levando a residência permanente onde o investidor pode pagar tão pouco quanto $ 220.000 efetivamente comprar o estatuto de residente permanente. O programa envolve a ajuda de um banco canadense que facilita a transação e leva essa taxa para fazê-lo. O investidor deve ter um patrimônio líquido pelo menos US $ 1.600.000.

Visto de Executivo

Se você é um executivo ou gerente e foram transferidos de sua empresa para uma filial na América do Norte, você pode qualificar para candidatar-se residência permanente. Nos Estados Unidos você é elegíveis após um ano. No Canadá é dois.

Visto de Cônjuge

Se você se casou com um americano(a) ou canadense seu cônjuge pode lhe conceder o direito de requerer a imigração para América do Norte, juntamente com as crianças. Se você está noivo(a) de um americano(a) você pode vir para os Estados Unidos para se casar com o(a) seu(sua) noivo(a). Filhos menored e 18 anos e pais do aplicante também podem imigrar para a América do Norte. Aplicação de casamento é a melhor forma ajudar um cidadão não documento que vive na américa do Norte à regularizar sua siuação.

Além dessas formas de imigração, nós podemos ajudar os pedidos que foram negados porque os aplicantes têm ficha criminal e se encontram impedidosdevir para a América do Norte devido a uma condenação penal. O requerente, também, pode ser qualificado para obter a cidadania nos Estados Unidos ou no Canadá devido a um prévio histórico de imigração familiar.

Essas são algums maneiras que o brasileiro se qualifica para imigrar para a América do Norte. Se qualquer uma dessas opções parece ser razoável para voce, me ligue e verificaremos qual e melhor oportunidade para você 416-560-1464 ou email nlisboa@brxgroup.ca.

Advertisements

Brazil Meets America and Canada.

Brazil Meets America and Canada.

Suppose you are Brazilian but you want to move to the United States or Canada. What are the options? As a law firm doing both US and Canadian immigration law, we have set out some of the answers for you below.

There are two ways of migrating to North America. One way is temporarily on a so-called non-immigrant work or student visa. The other is an immigrant visa that allows permanent residence.

Let’s look at each in turn.

Non Immigrant Visas

The most common visa is a visitor’s visa. This is something that can be obtained without the help of a lawyer unless the applicant encounters complications. We can help those who have difficulties in this regard by obtaining a copy of the applicant’s electronic file if the applicant has been turned away. But there are limits on what can be done if the application was turned away for good reason, such as previous deportations or travel on false documents.

Temporary Work Permits

If you are a professional such as a doctor, nurse, teacher etc. or a skilled worker and you have a job offer from North America, then we can help you obtain a work permit. In the United States, such individuals usually can qualify for an H1B work visa for up to six years provided they have an American employer sponsor who will support their application and provided they have the equivalent of an American bachelor’s degree through education or work experience. In Canada, such individuals may qualify for a work permit based on sponsorship by an employer who obtains a Labor Market Opinion indicating there are no Canadian workers ready, willing and able to do the job.

Inter-Corporate Transferee Work Visa

If you work for a company in Brazil that employs say a dozen or more people and that company proposes to transfer you to the United States or Canada, either to start up a new subsidiary of the Brazilian firm or to go to work for an affiliated company in North America such as for example Microsoft in Brazil transferring you to Microsoft in the United States, you are eligible to obtain an inter-company transferee work permit. In the United States the L-1 work permit can be valid for up to seven years if you are a manager or executive or up to five years if you are coming to the USA because you are an employee with specialized knowledge. In Canada the similar rules apply.

Investment Nonimmigrant visa

If you do not have a business or company in Brazil but do wish to start up a company in the United States and you have some business experience you can obtain an E-2 work visa to run your company there. The key elements are: a physical office, the incorporation of a company, the opening of a bank account, registration with the Internal Revenue Service, depositing a significant sum into the company bank account, say $ 200,000 U.S. , and finally, presenting a business plan. In Canada you can obtain a work permit if you can show your new company will bring Canada significant social, economic or cultural benefits or opportunities for Canadian citizens or permanent residents. A simple business plan usually should also be provided.

Other Non-immigrant Work Visas

There are other ways you may possibly qualify to work in the USA or Canada, such as work permits granted to extraordinary aliens due to their unique abilities or religious workers. These are matters that need to be discussed and worked out.

Immigrant Visas

If your intention is permanent immigration to the United States or Canada, then there are a number of options for you to consider.

Investor Visas

The United States offers conditional permanent residence to foreign investors who invest a sum as low as $ 500,000 in a specially approved regional development center that enables the investor to immigrate as part of the process. The funds are invested in commercial enterprises for a minimum period of two years before the investor can apply to have his condition removed. The condition is that the funds were invested for two years and that the investment created not less than 10 new jobs for that period. Once removed, the investor can then remove his money. When attorney and administrative fees are factored into the calculation the total cost can run up to, say $ 600,000.

Canada offers investment programs leading to permanent residence where the investor can pay as little as $ 220,000 to effectively buy permanent resident status. The program involves the help of a Canadian bank that facilitates the transaction and takes that fee for doing so. The investor must have a net worth of at least $ 1,600,000.

Inter-Corporate Multinational Transferees

If you are an executive or manager and have been transferred from your company to an affiliate in North America, then you can qualify to apply for permanent residence. In the United States you are eligible after one year. In Canada it is two.

Family Based Applications

If you are married to an American or a Canadian your spouse can sponsor you to immigrate to North America along with any children. If you are engaged to an American, you can come to the USA to get married as a fiancé. If you are a family member, such as a child or a parent, you may be eligible to immigrate permanently as well. Marriage-based applications can sometimes help long-time illegal or undocumented Brazilians who are in North America and seek to normalize their status.

Apart from these options for immigration, we help people with applications for waivers where they are blocked from coming to North America due to a criminal conviction. Also, an applicant may be eligible to obtain citizenship in the United States or Canada due to previous family immigration history.

All these are ways that someone from Brazil may be eligible to move to North America. If any of these options look possible to you, give us a call and we can see if there is an opportunity for you.

Tudo que você precisa saber sobre o IELTS

Tudo que você precisa saber sobre o IELTS

Para quem é brasileiro e quer imigrar para o Canadá como profissional qualificado, ingressar em uma instituição de ensino canadense ou até mesmo trabalhar no país, é preciso fazer um teste de proeficiência da língua inglesa. Existem várias opções, mas o IELTS (International English Language Testing System) talvez seja a melhor delas. Só no ano passado, mais de 1,6 milhão de candidatos fizeram a prova no mundo inteiro.

Há pouco mais de dois anos, o OiToronto falou sobre o Toefl, um dos testes mais populares para quem pensa em ingressar em uma instituição de ensino. Porém, o IELTS se diferencia em alguns aspectos. Além de ser reconhecido pela maioria das universidades canadenses, é aceito pelo Departamento de Imigração e Cidadania do Canadá como parte do processo para quem quer imigrar como profissional qualificado e não tem o inglês como primeira língua.

Todo o reconhecimento do IELTS foi conquistado através de mais de 40 anos de pesquisas pela Universidade de Cambridge (na Inglaterra), em parceria com o Conselho Britânico e o IELTS Australia. Isso fez com o seu método fosse aceito por mais de seis mil instituições em diversos países de língua inglesa. Essa diversidade é um outro diferencial desse exame, que permite todos os tipos de pronúncia, vocabulário e grafia.

O OiToronto entrou em contato com o IELTS Canada e com o British Council e informa tudo o que você precisa saber para fazer o exame em Toronto ou no Brasil.

Como é o exame

O IELTS testa a fluência no inglês levando em conta a leitura (reading), escrita (writing), conversação (speaking) e compreensão oral (listening). Existem dois tipos de exames: o acadêmico (academic- que deve ser realizado por quem pretende estudar em instituições de ensino superior) e o geral (general training- usado por quem pensa em imigrar para o Canadá ou fazer o ensino médio, conhecido como high school).

Os dois tipos de prova (academic e general training) são praticamente iguais, com exceção da leitura e escrita, que na versão acadêmica costuma focar mais em assuntos técnicos. Os testes de listening, reading, e writing são realizados pela manhã no Canadá e à tarde no Brasil, e o speaking (que trata-se de uma entrevista com um profissional habilitado) ocorre no Canadá no pela tarde (no mesmo dia ou em sete dias antes ou depois dos outros testes) e pela manhã no Brasil.

Listening (compreensão oral)- Nessa parte do exame, o candidato tem que provar que consegue compreender quando as pessoas conversam em inglês. Em um CD, ele escuta diferentes situações, divididas em quatro seções e 40 questões. As respostas devem ser anotadas em um papel e transferidas posteriormente para a folha oficial. Tem duração de 30 minutos.

Writing (escrita)- O candidato tem que elaborar duas redações, em 60 minutos. Em uma delas, deve fazer análise de tabelas e gráficos com no mínimo 150 palavras. A outra pede um texto argumentativo com no mínimo 250 palavras sobre um tema escolhido pelo IELTS.

Reading (leitura)- Muito cuidado e atenção nessa parte do teste. É pura interpretação de texto. O candidato precisa responder 40 questões relacionadas a três textos. Existem respostas de múltipla escolha e subjetivas, alguma delas pedindo a opinião e conclusão do autor do texto. Tem duração de 60 minutos.

Speaking (conversação)- Tem duração de 11 a 14 minutos. O candidato deve responder às perguntas de um entrevistador, que podem estar relacionadas a uma série de temas.

O que acontece depois da prova

Depois que o candidato faz o exame do IELTS no Brasil, um grupo de profissionais habilitados pela Universidade de Cambridge deve corrigir e divulgar o resultado em cerca de 13 dias, enviando o certificado pelo correio. O mesmo ocorre no Canadá, onde o resultado é divulgado em até 10 dias úteis depois da prova.

Caso o candidato não esteja satisfeito com a nota, é possível pedir uma revisão (pagando uma taxa extra), que será realizada pela Universidade e Cambridge ou British Council e divulgada em até 12 semanas. Durante esse processo, o resultado fica temporariamente cancelado e não poderá ser usado para processos de imigração ou matrículas em universidades.

O IELTS não tem prazo de validade, mas universidades e o Departamento de Imigração e Cidadania do Canadá aceitam os testes realizados em um período de dois anos. A nota mínima exigida no exame vai depender de cada instituição. No caso do Brasil, o programa Ciências Sem Fronteiras, que deve oferecer bolsas de estudo para 12 mil estudantes brasileiros no Canadá nos próximos quatro anos, reconhece o IELTS como exame de proeficiência do inglês.

Como se inscrever

Para fazer o exame do IELTS no Brasil, são necessários uma foto 3×4 (deve ter fundo branco e o candidato não pode ser fotografado usando chapéu ou óculos); formulário preenchido e com a assinatura; cópia e original do passaporte ou RG (outro tipo de identidade não será aceito), e comprovante de pagamento (R$440). Para datas e locais da prova, visite o site do British Council.

No Canadá, o candidato deve providenciar duas fotografias de passaporte (formato canadense); cópia e original do passaporte ou carteira de residente permanente-PR Card (outros tipos de identidade, incluindo carteira de motorista, não serão aceitas); preencher o formulário; comprovante de pagamento ($285 para candidatos em Ontário; a taxa pode ser paga através de cartão de credito usando o formulário ou cheque visado); e enviar toda a documentação para o IELTS Test Centre- Conestoga College- 299 Doon Valley Drive- Kitchener, Ontario- N2G 4M4). Para datas e locais da prova, visite o site do IELTS Canada.

É aconselhável que o candidado se increva para o IELTS com pelo menos seis semanas de antecedência.

Brasileiros-Americanos que queiram trabalhar no Canada

Brasileiros-Americanos que queiram trabalhar no Canada

Eu sou um profissional residente nos Estados Unidos e pelo NAFTA posso trabalhar no Canadá?
Profissionais dos Estados Unidos podem trabalhar no Canadá nas seguintes condições:
1. o requerente deve ser cidadão dos EUA;
2. a profissão deve fazer parte da lista do NAFTA;
3. deve existir uma posição no Canadá que necessite do profissional.

O requerente americano deve estar procurando um emprego em tempo integral ou meio período, já estabelecido, com um empregador canadense (verificar a documentação exigida). O auto-emprego não é permitido, o profissional norte-americano deve possuir as qualificações da profissão, em conformidade com requisitos de imigração existentes para a entrada temporária.

Requisitos:
Pessoas que se qualificarem para a categoria de profissionais podem reuquerer uma autorização de trabalho em conformidade com o R204(a), T23. Os profissionais não estão sujeitos ao parecer do mercado de trabalho, mas devem possuir a autorização de trabalho (R204, T23).

O profissional deve apresentar as seguintes documentações:
1. Prova da cidadania americana;
2. Confirmação de emprego previamente acordada fornecido por um contrato assinado com uma empresa canadense, ou;
3. Prova de uma oferta de emprego de um empregador canadense, ou;
4. Uma carta do empregador canadense informando o nome do serviço e o nome da empresa canadense;
5. O empregador proposto no Canadá;
6. A profissão para a qual é pedida a entrada;
7. Detalhes da posição (título, direitos, duração do emprego, formas de pagamento);
8. Títulos ou credenciais necessárias para a posição, e;
9. Prova de que a pessoa tem, pelo menos, o grau mínimo de educação e outros diplomas listados no apêndice 1603.D.1 (cópias do grau de instrução, diplomas, certificados profissionais, acreditação ou registro, etc).

Quanto tempo posso ficar?
As autorizações de trabalho podem ser concedidas por períodos de até três anos, geralmente é coferido por 1 ano com opção de renvação do visto de trabalho.

Extensão da estadia?
Extensões também podem ser emitidas por períodos de até três anos, sem limite no número de extensões, desde que a pessoa contine a cumprir os requisitos para a profissão. Os Oficiais de frotenira devem ficar satisfeitos com as informações fornecidas, o emprego deve ser “temporário” e o requerente não pode estar usando entrada NAFTA como um meio de contornar os procedimentos de imigração normal.

Quantos anos você tem?

Quantos anos você tem?

Como responder a esta pergunta durante uma entrevista de Trabalho?

Se você estiver com mais de 40 e está a procura de um trabalho, provavelmente, você já experimentou este medo, ou talvez essa pergunta foi feita direta ou indiretamente. Como você deve lidar com isso?

Você está no meio de uma entrevista de emprego e o empregador, recrutador ou o selecionador pergunta: “Então, quantos anos você tem?”

O que você pensou ao enfrentar esse cenário? Deixe-me adivinhar, você, provavelmente, foi pego de surpresa, vários pensamentos passaram pela sua cabeça e, em um deles você quer saber se “podem realmente perguntar isso?”

Você, como a maioria com idade acima dos 50 anos de idade, aposto que respondeu com um sonoro: “Não” afirmando que quem perguntou estaria errado.

Você pensa que essa pergunta gera uma discriminação etária no emprego e, além de tudo, é rude, mas a questão em si é legal.

Você deve se preparar bem antes de uma entrevista e deve saber como irá reagir e o que dirá quando perguntado sobre sua idade. Muito do que acreditamos e sabemos sobre a discriminação por idade é vaga e ambígua. Isso é a má notícia para os trabalhadores acima dos 50 anos de idade. Nossas opiniões sobre o problema da idade podem influenciar o nosso comportamento durante uma busca de trabalho e depois de tornar-se empregado. Embora seja importante entender os princípios da discriminação baseada na idade, é mais importante que se descubra como lidar com isso no mundo atual.

O problema da idade ao se contratar um empregado pode ser a última forma socialmente aceitável de discriminação. Existe uma norma que determina que discriminação com base na idade para a contratação, remuneração, benefícios, treinamento, promoção e rescisão são ilegais. Muitas pessoas com mais de 50 anos de idade, e cada vez mais outras com 40 anos, acreditam que o problema da idade ainda existe e os afetam.

Uma pesquisa recentemente realizada por duas entidades, RetirementJobs.com e AARP, confirmam que entre 80 e 95 por cento das pessoas com mais de 50 anos de idade acreditam que “o problema da idade é fato na vida atual.” As estatísticas publicadas sobre a discriminação baseada na idade, no entanto, não denotam a extensão e o poder do problema da idade. Este artigo não é para minimizar as preocupações sobre o viés da idade. Eu quero que você pense sobre o que você pode e não pode fazer sobre a realidade, ou a percepção de outros sobre a idade aparente de cada um.

Aqui estão cinco coisas que você não pode fazer sobre o comportamento do empregador:

  1. Você não pode obrigar quer os empregadores comuniquem:

  • O resultado da entrevista. Se você não ouvir de um empregador sobre a entrevista, não pense que você fez algo errado ou deixou de fazer;

  • Práticas contemporâneas de recrutamento, raramente, fornecem informações aos candidatos. Muitas vezes não há uma mensagem de resposta automática, ou não há um convite para uma entrevista, tampouco há um feedback explicando o porque da rejeição.

  • Os empregadores estão, frequentemente, sobrecarregados com um grande volume de candidatos e têm pouco tempo para a escolha.

  • Os empregadores são extremamente cautelosos sobre o que eles dizem para os candidatos e para os funcionários. Pare de esperar agilidade e capacidade da resposta, Não há nada de errado se você ligar para a empresa para verificar se a vaga já foi preenchida, seja persistente.

  1. Você não pode ditar as decisões da contratação de uma empresa ou comportamentos:

  • Gerentes e executivos geralmente tomam decisões sobre contratação e demissão com base na condição financeira e organização da empresa;

  • Redução de pessoal não difere em motivação. Isso pode não parecer justo, mas aqui está o negócio: os funcionários mais velhos e com um longo tempo de serviço muitas vezes recebem melhor remuneração do que os colegas mais jovens, e os custos de cuidados de saúde e de aposentadoria de renda tendem a ser maior para esses trabalhadores mais velhos;

  • Os empregadores podem decidir demitir os funcionários mais caros, o que é permitido desde que a idade não seja a base para a decisão.

  • Eis o que você pode fazer para evitar ou superar o problema da de idade:

  • a) Conheça os seus direitos:

  • Familiarize-se com os direitos fundamentais previstos por leis federais e estaduais. Você não pode sempre optar por exercer ou fazer cumprir esses direitos, mas você deve saber o que é e o que não é permitido. Consulte a explicação nas normais locais;

  • b). Seja claro sobre seus objetivos:

  • Examine sua vida pessoal e profissional, faça um inventário do seu conhecimento, habilidades, capacidades e realizações. Considere o que você mais gosta de fazer. Identifique os empregadores específicos e saiba o tipo de trabalho que você deseja. Obtenha algum aconselhamento da carreira e selecione a ocupação ou profissão em que você está mais apto a prosperar. Coloquer todas essas informações no seu currículo de forma clara e concisa. Sua clareza e confiança será o propósito da sua contratação pelos empregadores

  1. Mostre o melhor do seu potencial:

  1. Isso pode parecer um pouco fútil, mas olhar e mostrar o seu melhor pode ser um fator decisivo. Use uma roupa nova e limpa na sua entrevista. Esteja bem preparado, mantenha a sua aptidão pessoal no nível mais alto possível, certifique-se que a sua saúde ou condições médicas estejam sob controle, estar bem descansado é importante. Demonstre o seu conhecimento para o empregador. Essas tarefas devem ajudar a mantê-lo confiante e equilibrado. Tente praticar para entrevistas com um amigo ou um treinador profissional. Por último, coloque todas as preocupações com a sua idade e da ameaça do fator etário fora de sua mente.

  1. Seja um aprendiz contínuo:

  • Se você é um candidato ou um empregado, sempre busque crescer e aprender. Isto é nuito importante para suas habilidades com computador e conhecimento. Demonstre suas habilidades no uso do computador, enviar e-mail, navegar na Internet, e lidar com aplicações básicas, como processamento de texto. A incapacidade de quanto ao uso de mesmo básicas em um computador é um motivo de rejeição, cuidado. Possua um computador, saiba configurá-lo, tenha uma conta de e-mail, saiba o básico. Habilidades com o PC e com um telefone celular são maneiras poderosas para mostrar que você é tecnicamente esclarecido e não um dinossauro.

  1. Procure emprego e trabalho nos lugares certos:

  • Muitas indústrias e empregadores valorizam os trabalhadores mais velhos. Se você já está trabalhando para um empregador, faça tudo o que puder para ficar nessa organização. Enquanto isso, aqui estão alguns lugares para começar a procura de empresas que contratam e recolocam os trabalhadores mais velhos:

  • Busque a lista dos principais empregadores nacionais que não se importam com a idade.

  • Use Web-Job Posting por possuirem vários sites com anúncios de emprego voltados para os trabalhadores 50 e mais velhos.

  • RetirementJobs.com, que avalia os empregadores que acolhem os candidatos mais velhos.

  • RetiredBrains, banco de empregos para Sêniors.

  • Jobs4.0.

  • e outros.

Para ajuda com o seu pedido, por favor, entre em contato com Nelson Lisboa, e-mail nlisboa@brxgroup.ca ou ligue para 416-560-1464 (Toronto) e (11) 4040-4423 (São Paulo). Representamos clientes em todo o Canadá e internacionalmente, Visite e clique em curtir ”like” na nossa página no Facebook http://www.facebook.com/ImigracaoParaBrasileiros.

Até breve.

Direitos do Consumidor

Direitos do Consumidor

Vamos definir o que é um consumidor: o consumidor é uma pessoa que compra bens e serviços, geralmente para o seu uso próprio. Aquele compra bens e serviços para a revenda não é consumidor, tampouco, não é consumidor aquele que compra bens ou serviços para dar continuidade ao seu ramo de negócio. O consumidor de produtos é aquele que compra bens e/ou serviços para o uso pessoal, uso caseiro ou uso de sua família.

Como consumidor voce terá direito de se defender de uma compra mal feita usando o direito comercial ou or direito do consumidor. Por exemplo, se o produto comprado oferece risco ao meio amibiente ou à saúde individual ou coletiva e não há como reparar esse dano, o fabricante do produto está obrigado a garantir que o produto seja seguro e atenda a todos os requisitos de qualidades e segurança vigentes.

É importante que o produto comprado esteja corretamente etiquetado, explicando todos os dados do produto e forma de uso. Isso ajuda a prevenir que os consumidores adquiram produtos errados e também protegem os fabricantes quanto ao mal uso por parte de compradores desavisados.

Comidas, medicamentos e outros tipos de drogas devem estar corretamente lacrados, etiquetados e a propaganda do produto deve ser feita de forma bem clara e simples para informar e proteger o público sobre produtos que possam ser perigosos se usados e/ou administrados de forma incorreta, e também para garantir a pureza de comidas e medicamentos vendidos ao público.

No tocante à compra de veículos automotores, as montadoras estão obrigadas a informarem os consumidores sobre quaisquer defeitos em seus veículos ou peças, para os compradores. Dessa forma evita-se que mortes venham a ocorrer desenecessariamente porcausa peças ou veículos defeituosos. As montadoras de carros defeituosos estão obrigadas a fazer um “recall” (chamar todos os compradores do lote de veículos ou peças defeituosas) para troca, ajuste, correção das peças defeituosas, sem qualquer ônus para o comprador.

A forma mais comum de reclamações dos consumidores é sobre a compra de veículos usados com defeitos e/ou reparos de má qualidade. Como consumidor voce deve exigir por escrito uma estimativa dos reparos a serem feitos, e o reparador não pode executar nenhum conserto até que essa estimativa seja entregue ao consumidor. Nessa estimativa devem constar a descrição do serviço a ser feito no veículo, as peças que serão substituidas, o preço das peças, o total de horas a serem gastas para o conserto e o custo dessas horas. Uma vez a estimativa é fornecida para o consumidor, o valor cobrado pelo serviço não poderá ultrapassar a 10% do valor da estimativa dada pelo reparo.

A cidadania canadense não está a venda

A cidadania canadense não está a venda

O Ministro da Imigração Kenney, está atualizando todos os processos e investigando as fraudes nao obtenção da residência canadense.

A investigação das fraudes de residência permanente continua crescendo, cerca de 11 mil pessoas estão potencialmente implicadas por terem mentido na aplicação da cidadania ou para manter o status de residente.

O ministro Jason Kenney, da Cidadania, Imigração e Multiculturalismo, disse: “Estamos aplicando toda a força da lei canadense contra aqueles que tenham obtido a cidadania de forma fraudulenta. A Cidadania canadense não está a venda. Estamos tomando medidas para revogar a cidadania e a residência permanente de todas as pessoas que não cumpriram as regras e que mentiram ou trapacearam para se tornar um cidadão canadense.”

O Departamento de Cidadania e Imigração do Canadá (CIC) iniciou o processo de revogação da cidadania de até 3.100 cidadãos que a obtiveram de forma fraudulenta. O Ministro anunciou no ano passado que o CIC está trabalhando em conjunto com o Canada Border Services Agency (CBSA), com a Royal Canadian Mounted Police (RCMP), e os escritórios canadenses no exterior para combater esse tipo de fraude.

“O anúncio de hoje é o resultado do trabalho feito pela RCMP e CBSA, e eles devem ser parabenizados pelo esforço dedicado em resolver essas questões tão delicadas”, disse o Ministro da Segurança Pública do Canadá, Vic Toews. “Esses esforços reforçam o compromisso do nosso governo para proteger a integridade do sistema de imigração”.

O Departamento também está trabalhando nos casos daqueles que ainda não são cidadãos. Cerca de 5.000 pessoas com o status de residente permanente, estão envolvidos em um processo de fraude na aquisição da residência. A maioria destes indivíduos serão mandados embora do Canadá.

Os residentes permanentes devem residir no Canadá por três anos dos quatro anos antes de aplicar para a cidadania canadense. Para manter o seu status de residentes permanentes, eles devem estar fisicamente presente no Canadá de dois em cada cinco anos, com poucas exceções.

Nos casos típicos, os residentes permanentes devem utilizar os serviços de um representante de imigração para comprovarem o período de residência no Canadá e o período que viveram no exterior. As investigações da RCMP e da CBSA descobriram que uma família de cinco pessoas pode ter pago mais de $25.000 dólares americanos ao longo de quatro anos ou mais para criar a ilusão de residência canadense.

Por fim, o CIC está investigando os arquivos de outras 2.500 pessoas, com suspeitas de fraude. Esses indivíduos serão vigiados de perto. Perfazendo um total de cerca de 11.000 pessoas ligadas a investigações de fraude na cidadania e residência.

Até o presente momento, o CIC e seus parceiros removeram ou negaram a admissão de mais de 600 ex-residentes permanentes ligados às investigações, e negaram cerca de 500 pedidos de cidadania, onde os candidatos não cumpriram os requisitos de residência. Quase 1.800 candidatos ligados às investigações abandonaram os seus processos.

“Nós não vamos ficar parados e permitir que as pessoas mintam e enganem o sistema para se tornarem cidadãos”, acrescentou o ministro Kenney. “Eu encorajo qualquer um que tenha informações sobre fraude na obtenção da cidadania para denunciar quem quer que seja. Não há limite de tempo para a investigação deste tipo de fraude.”

Nos últimos seis anos, o Canadá teve o maior número de imigração da história canadense. O Governo do Canadá está empenhado em criar um sistema de imigração que traz o melhor e mais brilhante do mundo para o Canadá, protegendo o nosso sistema de imigração contra aqueles que tentam abusar da nossa generosidade.

Casos envolvendo falsa representação, fraude ou ocultação intencional de circunstâncias materiais do processo de cidadania, por exemplo, fingindo estar presente no Canadá para cumprir os requisitos de residência para obtenção de cidadania devem ser encaminhados para a linha direta da cidadania no call center do CIC 1-888-242-2100 (apenas no Canadá, 8am – 4pm, hora local, de segunda a sexta-feira). Dicas podem ser comunicadas pelo e-mail Citizenship-fraud-tips@cic.gc.ca. Aqueles que residam no exterior podem contactar o escritório de visto canadense mais próximo, 1-888-242-2100.

Todos os tipos de fraude de imigração podem ser dirigidos à linha direta da CBSA 1-888-502-9060. Exemplo: atividade suspeita na fronteira, casamentos de conveniência, declarações falsas em qualquer pedido de imigração temporária ou permanente, ou o paradeiro de qualquer pessoa que queria em um mandado de imigração e outros.

Para ajuda com o preenchimento de sua aplicação me contate pelo e-mail nlisboa@brxgroup.ca ou ligue para 416-560-1464 (Toronto) e (11) 4040-4423 (Brasil).

Visite e curta nossa página no Facebook http://www.facebook.com/ImigracaoParaBrasileiros.

Labour Market Opnion – LMO

O que é o Labour Market Opnion – LMO

Para aqueles que desejam trabalhar no Canadá, bem como para os empregadores canadenses, que já devem ter ouvido falar sobre a importância dos Pareceres do Mercado de Trabalho (LMOs). Na maioria dos casos, os empregadores devem garantir um LMO antes que eles possam contratar e buscar uma autorização de trabalho para um ou mais trabalhadores temporários estrangeiros. Neste artigo, o CIC Notícias fornece a seus leitores – tanto os empregadores canadenses e trabalhadores estrangeiros da mesma forma – com uma breve explicação sobre LMOs, sua importância no processo de emprego, e o que deve ser feito para a sua aquisição.

A importância do LMO no Canadá.

Todos os anos, o Canadá recebe mais de 200 mil trabalhadores temporários estrangeiros em seu território. Esses trabalhadores são uma parte vital da força de trabalho do Canadá, contribuindo para a ampla oferta de empregos qualificados, semi-qualificados e nâo qualificados.

É importante que a economia do Canadá mantenha altos níveis de trabalhadores estrangeiros e, consequentemente, garanta que os direitos de todos os trabalhadores sejam mantidos, os regulamentos governamentais sejam obedecidos, e que o mercado de trabalho canadense não enfraqueça com a mão-de-obra estrangeira. Os empregadores canandense exigem um parecer positivo LMO antes de contratar qualquer trabalhador estrangeiro, o que ajuda com certeza que tais normas sejam mantidas. Ao passar pelo processo de obtenção de um LMO, os empregadores são obrigados a demonstrar que eles não encontram um cidadão canadense ou residente permanente idôneo para ocupar o cargo oferecido, devendo tratar todos os seus funcionários de uma maneira consistente com as normas de trabalho canadense.

O que é um LMO?

O LMO positivo é um documento que afirma que a contratação de um trabalhador estrangeiro terá um efeito positivo ou neutro no mercado de trabalho canadense local. É emitido pelo Recursos Humanos e Desenvolvimento de Competências do Canadá (HRSDC), que supervisiona o programa Trabalhador Estrangeiro Temporário no país.

Todo o trabalho temporário oferecido no Canadá exige um LMO a menos que o trabalhador estrangeiro ou, que trabalho oferecido no Canadá possa ser classificado como isento dessa obrigação. O LMO é específico para o empregador e o tipo de trabalho a ser exercido. Uma vez no Canadá, se o trabalhador estrangeiro queira trabalhar para uma outra empres, ou haja mudança de posição;cargo, esse trabalhador, geralmente, deve requerer e receber uma nova autorização de trabalho – LMO.

O LMO é necessário para que o trabalhador estrangeiro possa trabalhar em qualquer província canadense. Os trabalhadores temporários estrangeiros na província de Quebec necessitam obter o Certificado de Aceitação em Quebec (Quebec Acceptance Certificate – CAQ), além de um LMO.

Como obter um LMO?

Como não há dois trabalhadores ou duas organizações idênticas, o processo de solicitação de um LMO pode variar muito. O departamento do HRSDC afirma que ao avaliar um pedido de LMO, os oficiais adotam uma série de fatores em consideração ao pedido, a seguir elencados:

  1. A ocupação que o trabalhador estrangeiro será empregado;

  2. Os salários e condições de trabalho que estão sendo oferecidos pelo empregador;

  3. Anúncio do empregador e os esforços de recrutamento (de profissionais canadenses antes de contratar um profissional estrangeiro);

  4. O impacto do trabalhador estrangeiro no mercado de trabalho canadense;

  5. Consultas feitas, se for o caso, com os devidos sindicatos canadenses;

  6. Se a entrada de um trabalhador estrangeiro irá afetar ou não a resolução de uma disputa trabalhista.

Os empregos no Canadá devem corresponder com a descrição de trabalho listadas na Classificação de Ocupação Nacional. Os salários e as condições de trabalho devem atender ou exceder à média regional de trabalho. Recentemente, o Governo do Canadá anunciou que, em algumas circunstâncias, um trabalhador estrangeiro pode ser pago até 15% menos do que a renda local média.

Diferentes procedimentos são adotados para garantir o OVM dos trabalhadores qualificados, semi-qualificados ou não qualificados. Por exemplo, os empregadores que contratam trabalhadores pouco qualificados são obrigados a pagar o transporte do seu empregado para o Canadá, enquanto os empregadores de trabalhadores altamente qualificados não são obrigados a fazê-lo.

É possível acelerar um LMO?

Há alguns casos em que um pedido LMO pode ser acelerado. Enquanto a maioria das aplicações requerem a publicidade, em certos casos essa publicidade não é necessária. Um exemplo comum de um LMO com isenção de publicidade ocorre quando: um estudante internacional com uma autorização de trabalho de pós-graduação tem uma oferta de trabalho com duração superior à do período de sua licença de trabalho de pós-graduação. O mesmo procedimento ocorre na província de Quebec.

Em um esforço para agilizar o tempo de processamento, o departamento do HRSDC, recentemente, revelou um novo programa chamado de Opinião Acelerada do Mercado de Trabalho (Accelerated Labour Market Opinion – ALMO). Através da ALMO, os empregadores receberão o LMO no prazo de 10 dias úteis a contar da apresentação.

É possível receber a isenção do LMO?

Há uma série de situações em que o empregador pode se isentar da obrigação de requerer um LMO, a seguir elencados:

  1. Trabalhadores protegidos por acordos internacionais como o NAFTA;

  2. Trabalhadores transferidos de empresas multinacionais;

  3. Empresários e autônomos (candidatos);

  4. Trabalhadores abrangidos por acordos de intercâmbio internacionais como Classe Experiência Internacional Canadense.

O processo de LMO pode intimidar aqueles que estão tendo contato com as muitas opções pela primeira vez. No entanto, essas opções são importantes para assegurar que o Canadá continua mantendo um alto nível de transparência e justiça no ambiente de trabalho internacional.

Se você ou seu empregador exigir um Parecer do Mercado de Trabalho, por favor, entre em contato com Nelson Lisboa, e-mail nlisboa@pacelawfirm.com ou ligue para 416-560-1464 (Toronto) e (11) 4040-4423 (Brasil). Representamos clientes em todo o Canadá e internacionalmente, Visite e clique em curtir ”like” na nossa página no Facebook http://www.facebook.com/ImigracaoParaBrasileiros.